Vôlei de praia: Disputa entre “Rei” e “Rainha” da areia

Josi, de Balneário Camboriú, e Ceará, de São José – Foto: Antonio Carlos Mafalda/Fesporte

Lages, 07/11/2017, CLMais, com Fesporte

As disputas  do volei de praia na 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) começaram nesta terça-feira (07), nas duas quadras montadas no Clube de Caça e Tiro 1º de Julho, em Lages. Além dos troféus, uma disputa paralela envolve a “Rainha” e o “Rei” da areia, ou melhor, os dois principais campeões da modalidade: Josi, de Balneário Camboriú, e Ceará, de São José.

A vantagem, por enquanto, é do jogador josefense, 49 anos, que forma uma das duplas favoritas, ao lado de Thiago, que joga o Circuito Brasileiro. Com 11 títulos, Sergio Castro, o Ceará, está em busca de mais uma conquista para a equipe da Grande Florianópolis. Mas a motivação não está restrita à soma de pontos para São José na classificação. “Participo também para motivar os mais jovens, principalmente, a jogar em alto nível, na busca pelo alto rendimento”, explica.

Para continuar a ser o maior vencedor da modalidade, Ceará sabe que não encontrará facilidades, pois tem pela frente a dupla favorita e atual campeã, formada por Daniel e Bruno, de Balneário Camboriú.  “Como diz o ditado, o jogo é jogado e o lambari é pescado, então vamos ver o que dá”, comenta, ao lembrar que Blumenau e Timbó também têm duplas fortes e podem surpreender.

São 10 anos de conquistas

Por sua vez, Josi tem 10 títulos consecutivos em 14 participações nos Jogos Abertos. A jogadora de Balneário Camboriú forma a sexta dupla do ranking brasileiro com a cearense Lili, mas no Jasc terá a parceria de Leizi, companheira de outros edições de Jogos Abertos. “A Lili não é federada em Santa Catarina, mas tenho muita afinidade com a Leizi, então não haverá problema de entrosamento”, relata a jogadora, recentemente indicada para receber o Troféu Guga Kuerten de Excelência no Esporte.

Com tanta experiência, Josi destaca a importância dos Jogos Abertos para o volei de praia e o carinho que tem com a competição. “Apesar de disputar os circuitos mundial e brasileiro, os Jasc é uma competição diferente, é minha raiz, e é a principal competição estadual. Mas não tenho receio de encarar o favoritismo, é uma condição normal”, afirma.

Com a participação de 23 equipes no masculino e 16 no feminino, o vôlei de praia prossegue nesta quarta-feira nas quadras do Clube de Caça e Tiro 1º de Julho. A dupla feminina campeã deve ser conhecida na quinta-feira, 9, enquanto a dupla masculina campeã será conhecida na sexta-feira, 10.

Os Jasc são uma promoção do Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte em parceria com a prefeitura e Agência de Desenvolvimento Regional de Lages.

Attachment

Leave a Comment

(required)

(required)