Spaghetti a Primavera

Olá!
Feriado chegando, hora de pensar em comida prática e muito saborosa, receita de hoje, Spaghetti a Primavera é do colega Chef Ripp Cozzella. Mãos a obra!

Spaghetti a Primavera

CL Gourmet 29042015 Spaghetti a primavera Ripp Cozzella

Spaghetti a Primavera é aquele macarrão em que colocamos tudo que está sobrando na geladeira, damos os pontos corretos e servimos.
E todo mundo que não está com índice de gordura corporal acima dos 25% adora.
Os que estão acima adoram, mas não podem comer, portanto, se está assim, vá a página do Sensacionalista dar risadas e pare de ler essa receita.
Use vegetais. Os que quiser. Eu usei ervilhas, tomates sem pele e sem sementes, o tal “concassé”, cenouras e abobrinhas. Prepare tudo no ponto correto ou seja, o tomate concassé cru, as ervilhas levemente aferventadas em água e sal, as abobrinhas cortadas em lâminas e salteadas rapidamente na saltese (frigideira com nome afrescalhado).
As cenoura merecem um capítulo a parte, pois se estiverem moles ficam horríveis e duras intragáveis. Descasque, corte em fatias e depois em cubinhos (brunoise pros íntimos) e coloque na água com sal e um pouco de açúcar e vá controlando até poder espetar a ponta da faca e ela penetrar sem muita resistência, mas ainda assim, não desmanchando o cubinho.
Feito os vegatais, cozinhe o spaghetti als dente, ou seja, você precisa morder a massa e ela terá uma certa resistência.
Se quiser saber como chegar ao ponto “al dente” correto, pegue um fio e quebre.
Olhe dentro e veja que ele tem que apresentar um pontinho branco no centro, isso por que a cottura ou em bom português, o cozimento, não chegou ali.
Escorra,
Eu coloquei um peito de frango desfiado e para isso, fervi em água salgada, um pochê meio sem vergonha, e depois desfie com o garfo. Tem gente que tem outros métodos de desfiar. Um deles é colocar o franguinho na panela, tampar e chacoalhar bem forte algumas vezes. E não é que isso dá certo!!!
Agora, manteguinha na saltese, salteia o franguinho desfiado, coloca os vegetais que você preparou magistralmente e depois, se quiser, e eu quis, coloque creme de leite fresco e sal. Vai fazendo tudo pular, ou melhor, salteando, até misturar todos os sabores.
Agora coloque a pasta e dê mais uns pulinhos com a frigideira para o molho se misturar à massa.
Acabou, tá prontinho.
Agora um monte de gente vai perguntar como faz ele enroladinho assim, pra ficar bunitinhu e tirar foto?
Primeiro, jamais quebre o macarrão spaghetti. Aliás, nunca quebre as massas.
Depois, com ele pronto, sabe aquele garfo de churrasco, com dois dentes?
Coloca ele no centro da frigideira, com o preparo pronto, e vai enrolando, com auxílio de uma colher, ladeando a massa. Apoie na própria colher e leve ao prato.
Depois, coloca tudo que ficou na saltese, ops, frigideira e dá uma girada no moedor de pimenta do reino por cima.
Lembre-se: Vá com fé! Depois me conta como ficou ;)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>