DICA – CHURRASCO PARA O DIA DOS PAIS

Domingo, 12/08 é Dia dos Pais e para comemorar, nada melhor do que reunir a família entorno de um bom churrasco.

Dicas Básicas
Vamos começar pelo acendimento do carvão. Escolha uma boa marca de carvão. O carvão deve ter boa procedência e ser de eucalipto, pois ele dá um aroma melhor à carne. Despeje uma quantidade pequena no começo apenas para acender o fogo. Existem várias maneiras de acender o fogo. Particularmente eu gosto de ensopar um pedaço de pão velho (tipo pão Francês) em álcool e colocá-lo no meio do carvão. Acenda com cuidado. Após alguma brasa começar a arder, despeje o resto do carvão e distribua pela baia. Jamais utilize restos de carvão velho ou pedaços de madeira. Isto dá um gosto horrível à carne. Também não use gasolina ou óleo diesel.

Só coloque a carne para assar quanto o braseiro estiver bem acesso, isto sela a carne deixando-a suculenta. Tempero eu prefiro só com sal grosso, mas algumas pessoas preferem temperar com sal temperado, alguma erva, cebola etc. Cada um tem seu tempero preferido.

Para a carne de frango uma boa sugestão deixar marinando de um dia para o outro em um molho preparado com cerveja, sal grosso, alho, cheiro verde, sábia e salsinha.

Alguns petiscos também não podem faltar em um churrasco. O famoso pão com alho é um deles. Essa delícia já pode ser comprada pronta e ir direto para a grelha. Mas, se você preferir, pode preparar um patê com alho e maionese ou manteiga. Para incrementar, salpique orégano ou salsinha sobre as fatias de pão.

Como acompanhamento, o ideal é servir nada muito sofisticado. O tradicional arroz branco e o vinagrete não podem faltar. A farofa também é outro prato que faz parte de um bom churrasco. Ela pode ser preparada com farinha de rosca ou de milho e o fundamental é incrementá-la com bacon, linguiça calabresa, cenoura ralada, ovos e uvas passas.

A salada que, quanto mais variada, melhor, pode ser feita com folhas verdes, tomate, cenoura, beterraba, chuchu e outros legumes e verduras, crus ou cozidos. O toque especial pode ser dado acrescentando milho, ervilha, palmito. Não pode faltar à tradicional maionese de batatas.

Quantidade de carnes: por pessoa

- lingüiça 100 g

- costelinha de porco 200 g (por ser com osso sugerimos uma quantidade maior)

- picanha 200 g

- assa de frango 150 g

- maminha 100 g

- fraldinha sem gordura 100 g

- carne de cordeiro com osso 150 g

- entrecot 150 g – muito apreciado, disponível em todos os supermercados, os provenientes de raças bovinas européias são ótimos.

Calcula- se uma média de 400 a 500 g de carnes por pessoa, divididas por tipo de carnes a serem compradas.

“Muitos filhos só entenderão que deveriam ter conhecido e amado mais seus pais no dia em que ele fecharem os olhos para sempre.”
Augusto Cury

2 ideias sobre “DICA – CHURRASCO PARA O DIA DOS PAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>